Data : 11/09/2015

Dados sujeitos a alteração sem aviso prévio.

O conteúdo deste material on-line não expressa, necessariamente, a nossa opinião.

Reportar erro

QUINGENTÉSIMO ENCONTRO DE MISERICÓRDIA

Na noite de quinta-feira, 3 de setembro de 2015, às 19hs começou a celebração jubilar do ENCONTRO DE MISERICÓRDIA, número 500.
Tivemos a celebração eucarística, presidida pelo jovem padre lazarista, Vinícius Augusto Ribeiro Teixeira. Foi uma Missa lindíssima, não só pelo aspecto externo, mas, sobretudo, pelo riquíssimo conteúdo. Após a Eucaristia houve a solene entrega do grande quadro jubilar que, por sorteio caiu na pessoa de Ana Maria Ferreira da Silva, esposa de Miguel da Silva Moreira, uma dos participantes mais assíduos dos Encontros desde seu início. Em seguida, foi oferecido a todos os presentes um gostoso jantar, momento de agradabilíssima confraternização. Comida variada, bem preparada e servida a nada menos do que 305 pessoas!

Entre os participantes notamos a tão apreciada presença de três Fráters: Theodoto Adams, o atual Superior Regional da Congregação dos Fráteres (CMM), no Brasil, Frater Nicácio Huiskamp, um dos veteranos da fundação; Frater Adriano van den Berg, que acabou de comemorar seus 65 anos de Vida Religiosa. Eram acompanhados pela Professora Amália Kátia Ferreira Mendes, a dinâmica e sorridente Diretora do Colégio Padre Eustáquio, em BH.
Foi uma noite alegre, onde, juntos, tivemos oportunidade de expressar festivamente nossa gratidão a Deus por esses 500 Encontros.
Mas, o que é um “Encontro de Misericórdia”? Na realidade, é uma noite de reflexão sobre a Palavra de Deus. Momento de autêntica “animação bíblica”, tendo em vista um conhecimento aprofundado da Palavra, a partir da realidade vivida, tornando-se, assim, um valioso instrumento de evangelização. Os Encontros de Misericórdia acontecem semanalmente, nas quintas-feiras, e têm a duração de aproximadamente uma hora. Possuem uma parte fixa (o “roteiro”) e uma parte móvel (variando conforme o ano litúrgica e a liturgia dominical seguinte). O roteiro contém: “A bênção da família”, a “Oração para obter o espírito de compaixão”, a “Oração a São Vicente de Paulo para pedir vocações que continuem o Movimento de Misericórdia” e a “Oração a Maria, Mãe de Misericórdia”. Os encontros são realizados nas casas de família que, mediante prévia inscrição, o tenham solicitado. À família visitada é sempre oferecida uma “lembrança personalizada’, normamente artesanato com motivação religiosa, que traz a data e o número sequencial do encontro. Serve para embelezar a casa e, sobretudo, para manter viva a recordação do acontecimento. Atualmente está sendo usado para a “parte móvel” do encontro o “Roteiro para os Grupos de Reflexão” da Diocese mineira de Caratinga. Este subsídio atende muito bem à nossa realidade: segue o ritmo do ano litúrgico, emprega uma linguagem que o povo entende e parte da realidade que vivemos no país e na Igreja. Assim, por exemplo, o presente mês de setembro tem como temática “Discípulos-missionários a partir do Evangelho de São João”.
O Encontro de Fundação teve lugar no dia 21 de fevereiro de 2002, na casa da Dona Efigênia Pinto Prado, atualmente nossa entusiasta e abençoada Madrinha! Naquele primeiríssimo Encontro tivemos 51 participantes. É curioso que esse número se manteve ao longo dos treze anos e meio, às vezes mais e poucas vezes menos. A fidelidade e persistência são exemplares, e isso não é mérito nosso, mas pura graça divina! O lugar habitual dos Encontros é o Bairro Nossa Senhora da Paz, que é popularmente conhecido como “Farofa”, no Município de São Joaquim de Bicas, cidade a uma distância de 45km de Belo Horizonte.

Durante a Missa jubilar houve a “Procissão da Memória”, quando representantes de famílias levaram ao altar as lembranças de encontros jubilares parciais: 1, 50, 100, 150, e assim adiante até o encontro de número 450. Muitos dos presentes não conseguiram deter as lágrimas! Quanto bem foi feito! Quanto consolo oferecido! Quanta conversão só conhecida a Deus! Sentimos fortemente que a Palavra de Deus é viva e, quando encontra um coração aberto, opera milagres!
Só nos resta agradecer e cantar com Maria: O Senhor fez em nós maravilhas: santo é seu Nome! Os Encontros de Misericórdia querem responder também ao apelo do Papa Francisco: “Quanto desejo que os anos futuros sejam permeados de misericórdia para ir ao encontro de todas as pessoas levando-lhes a bondade e a ternura de Deus! A todos, crentes e afastados, possa chegar o bálsamo da misericórdia como sinal do Reino de Deus já presente no meio de nós” (Bula de Proclamação do Jubileu Extraordinário da Misericórdia Misericordia Vultos [11-4-2015], n.5).
Obrigado Senhor. Obrigado Mãe de Misericórdia. Obrigado São Vicente de Paulo, arauto da misericórdia e celeste inspirador de nosso seguimento de Jesus, nosso Irmão misericordioso.

[Relatório feito pela Equipe de Coordenação dos Encontros de Misericórdia
da Comunidade Eclesial de “Farofa”, em São Joaquim de Bicas.]

Veja algumas fotos abaixo.